Imagens: Redes Sociais

Publicado por: Ascom em 06/10/2021

Nos últimos dias surgiram nos estados de São Paulo, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e Maranhão tempestades de areia com ventos de quase 100km/h e causaram reflexões e debates sobre mudanças climáticas cada vez mais extremas e a influência do agronegócio junto com o desmatamento frequente da Amazônia.

Na entrevista da CNN, a meteorologista Dóris Palma, afirma que o fenômeno é bastante comum em regiões áridas e semiáridas ao redor do mundo, entretanto, no Brasil esses eventos são mais raros de acontecer.

O agronegócio tenta tirar sua responsabilidade, mas é inegável que anos de atividades onde ocorrem desmatamento e queimadas de diversas áreas verdes tem participação por esses acontecimentos que antes não eram comuns na nossa paisagem.

Afinal, como ocorrem as tempestades de areia?

Elas aparecem naturalmente no verão e primavera, devido ao aquecimento da superfície dos desertos e fortes ventos ocasionais pelo tempo seco e árido, bastante comum nessas áreas, entretanto, quando há eventos climáticos desfavoráveis, esses acontecimentos se tornam cada vez mais frequentes causando ainda mais danos no meio ambiente e população.