CIDADANIA ATRAVES DA ÁGUA

O FONASC CELEBRA A VIDA E A SAUDE DE NOSSO COMPANHEIRO E A CIDADANIA HIDRICA DE JULIO GOMES GUARDIÃO DAS ÁGUAS DO GANDARELLA
‎segunda-feira, ‎19‎ de ‎agosto‎ de ‎2013,ACESSE http://fonasc-cbh.org.br/?p=9113

20/11/2012 – A CIDADANIA HÍDRICA DE JESIFINA SERRA DOS SANTOS 

CIDADANIA HÍDRICA NA SEMANA DA CONSCIENCIA NEGRA E AS ÁGUAS  COM DRA JOSEFINA SERRA DOS  SANTOS

 Nesta semana em que nós todos brasileiros celebramos o dia da Consciência Negra ( dia 20/12/2012) o FONASC presta homenagem através de nosso painel CIDADANIA HÍDRIA à  Dra Josefina Serra dos Santos – Advogada militante das causas sociais e ambientais no Distrito Federal que se desponta para o país  e que,  diligentemente tem sido  colaboradora e apoiadora de nosso trabalho  a mais de 5 anos nas horas mais difíceis  e desafiantes do FONASC.

Na sua linda história de vida essa inteligente operadora do direito tem dado exemplos de conduta ilibada e cidadã construindo sua história de credibildiade junto aos movimentos sociais de luta por direitos fundamentais e sobretudo dignificando a RACA NEGRA. Ela é maranhense que veio como tantos milhãres de brasileiros daquele  estado, fazer  sua BELA  trajetória de vida primeiramente como empregada doméstica que com esforço pessoal TORNOU-SE brilhante advogada  consquistando  a cada dia maIs respeito e adimiração das pessoas e amigos pela sua conduta  comprometida com a construção do estado de direito e à cidadania.

É da lavra de Dra Josefina Serra dos Santos negra, bela,  sensível e diligente,  sem desconsiderá os demais companheiros advogados apoiadores do FONASC em várias regiões do país evidentemente,  defesas competentes  que ela faz de nossos pleitos junto ao judiciário bem como o acompanhamento processual com  BRILHANTES  interpelações junto a JUSTICA FEDERAL  CONTRA AS MALDADES HÍDRICAS  que o Governo  Brasileiro através de seus arranjos burocráticos IMPLEMENTAM através da criação de normativos legais que  agridem   princípios e fundamentos do Estado Democrático de Direito,  a cidadania e o controle social. Principalmente ,quando estes sãoi   detectados peos movimentos sociais e organizações que  atuam nos colegiados de políticas públicas em Brasilia e    lhe acorre pedinbdo socorro.

Dra Josefina Serra dos Santos  , nunca se furtou de atender nossos pedidos nas horas mais difíceis defedendo  coordenadores  do FONASC quando a eficiência de nossas atividades  incomoda interesses poderosos que tentam no desqualificar e enfraquecer   acostumados que são ao autoritarismo e  ao  uso do Estado fora da rota do interesse público.

Ela tem sido sistemáticamente na sua atividade advocatícia gratuita  para o FONASC,   resistente as iniciativas dos atuais gestores do segmento governo no  CNRH e outros colegiados do MMA , que tentam desqualificar nosso trabalho e os fundamentos da legislação, em especial,  a lei das águas nos seus  fundamentos da partiucipação e controle  social e  o dos  usos múltiplos do  patrimônio hídrico nacional. Veja algumas das ações ACPs pleiteadas pelo FONASC com apoio de Dra JOSEFINA SERRA DOS SANTOS  junto à  justiça  federal em Brasilia – DF acessando nosso site http://fonasc-cbh.org.br/?page_id=289 .

Pelo reconhecimento à sua vitoriosa trajetória e empenho junto com demais  cidadãos da RAÇA NEGRA NO DF,  o GDF instituiu a SEPPIR- Secretaria Especial de Promoção da Igualdade Racial na qual ela ocupou até um mês atraz a missão de sua implantação e continuidade tendo sido sua primeira secretária. Mesmo assim ela não abondonou seus companheiros e teve tempo para fornecer seu apoio técnico ao FONASC. Dra Josefina também merecidamente ocupa papel importante nas comissões e plenária da OAB-DF.

São mIlhares de citações e abordagem onde  podemos ter conhecimento sobre a  importância de Dra Josefina Serra dos Santos para a cidadania e para o país acessando:

https://www.google.com.br/webhp?hl=pt-BR&tab=mw#hl=pt-BR&sclient=psy-ab&q=josefina+serra+dos+santos&oq=josefina+serra+dos+santos&gs_l=hp.2..0j0i30.3263.6461.4.6517.18.10.1.1.2.3.1077.5813.2-2j3j0j1j3j1.10.0…0.0…1c.1.8c3QxB2XAfs&pbx=1&bav=on.2,or.r_gc.r_pw.r_cp.r_qf.&fp=8cfa3b1a5d365495&bpcl=38897761&biw=1080&bih=711

Veja-a  na galeria do fotos

https://www.google.com.br/search?q=josefina+serra+dos+santos&hl=pt-BR&prmd=imvnso&tbm=isch&tbo=u&source=univ&sa=X&ei=18usUIXMD5Dm8QSVpIHwAQ&ved=0CCYQsAQ&biw=1080&bih=711

No mais, só nos resta todos  reafirmar  e registrar na SEMANA DA CONSCIENCIA NEGRA a página CIDADANIA HÍDRICA DE DRA JOSEFINA SERRA DOS SANTOS , advogada , honra da raça negra e bela que dignifica  a nação brasileira e as pessoas de bem desse país.

Dra Josefina, o FONASC LHE AGRADECE E RECONHECE . Temos  muito orgulho de ter sua companhia registrando na nossa  rede virtual   SUA CIDADANIA HÍDRICA pela  sua coloração e com nosso carinho.

Coordenação do FONASC

REPRESENTAÇÃO DAS ORG CIVIS NO CNRH ( Conselho nacional de Recursos |Hídricos)

 29-06 -CIDADANIA HIDRICA DE CARLOS EDUARDO MAZETTO  -

NESSE MES DE JULHO INICIAMOS A CIDADANIA HÍDRICA  COM MUITO PESAR por causa do  falecimento do amigo Carlos Eduardo Mazzeto. Mazzan foi  como tantos grande incentivador do CAA – Norte de Minas e  também do FONASC ATRAVÉS DE SUA AMIZADE E PALAVRA SOLIDÁRIA ajudando a desencadear muitos processos políticso de afirmação dos movimentos sociais principalmente nas comunidades da  REGIÃO DO CERRADO BRASILEIRO para muitos de nossa geração.Ao longo de sua formação, dedicou-se a compreender os Cerrados Brasileiros, em especial, os Gerais . Colaborou de forma fundamental na visibilização da riqueza do bioma e de seus povos, com quem mantinha uma relação de partilha das lutas e de sonhos. Recentemente colaborou nos estudos de delimitação da RESEX do AREIÃO VALE DO GUARÁ que se encontra em instalação nos municípios de Rio Pardo de Minas, Vargem Grande do Rio Pardo e Montezuma.Suas últimas atividades foram voltadas para a academia como professor da UFMG, onde dedicou-se a formar pesquisadores e profissionais comprometidos com a transformação.

VEJA MAIS SOBRE O GRANDE MAZAN ATRAVES DO DEPOIMENTO DE SEUS AMIGOS AQUI

https://fbcdn-sphotos-a.akamaihd.net/hphotos-ak-ash3/c0.0.403.403/p403x403/525945_289409817824584_1441858162_n.jpg

22.02.2012

CIDADANIA HIDRICA DE DEBORA FERNANDES CALHEIROS

A Dra Debora se destaca por ter elevado a ciencia e a tecnologia a uma funcao social imprescindivel a sustentabilidade social e ambiental da regiao do Pantanal Brasileiro atuando de maneira firme para o resgate da cidadania e respeito aos direitos das populacoes ribeirinhas e pescadores sendo por isso bastante incomodada e ameacada na sua vida profissional na Embrapa, onde trabalha. Sua atuacao diligente mostrando cientificamente a contradicao de um modelo de desenvolvimento prejudicial  a aquele bioma estrategico para o pais tem mostrado e apontado a insuficiencia do Estado Brasileiro e sua legislacao ambiental que e  frontalmente derrespeitada pelas instancias legais que deveriam garantir a sustentabilidade daquele bioma. Ela  Possui graduação em Ciências Biológicas pelo Instituto de Biociências da Universidade de São Paulo (1983); mestrado em Engenharia Civil – Área de Hidráulica e Saneamento, pela Universidade de São Paulo (1993) na Escola de Engenharia de São Carlos (EESC-USP), com enfoque em Ecotoxicologia; e doutorado em Ciências, pela Universidade de São Paulo (2003) no Centro de Energia Nuclear na Agricultura (CENA-USP), com enfoque em Ecologia Isotópica. Realizou Doutorado Sanduíche na Kellogg Biological Station – Michigan State University (EUA). Atualmente é Pesquisadora “A” da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, Embrapa Pantanal. Tem experiência na área de Ecologia, com ênfase em Ecologia de Ecossistemas e Ecologia Aplicada, atuando principalmente nos seguintes temas: sistema Pantanal/Bacia do Alto Paraguai, limnologia, ecologia de rios e áreas inundáveis, manejo de ecossistemas, gestão de bacias hidrográficas, impactos ambientais, ecotoxicologia e etnoecologia.

A Dra Debora Calheiros representa o FONASC na CATP- Camara tecnica de analise de rojetos do CNRH de maneira diligente e comprometida com o direito e a ciencia comprometida com o pais e a cidadania dos povos do Pantanal  brasileiro.Atua como consultora e colaboradora nas questões socioambientais da região desde 1989, contribuindo com movimentos sociais e ONGs locais, regionais, nacionais e internacionais que atuam na Bacia do Alto Paraguai e Pantanal.

http://lattes.cnpq.br/6343238272229162 

VEJA TAMBÉM :

26.02.2012

Cidadania Hidrica Rafael Filippin

Nos 10 anos em que o FONASC-CBH atua em defesa das águas, muitos parceiros foram preponderantes para que o êxito fosse alcançado e a participação política da sociedade fosse maximizada. Política se faz com pessoas, cidadãos que se doam na luta diária de garantir que todos tenham acesso às águas de nosso país segundo manda a legislação. E são esses cidadãos que o FONASC-CBH vem homenageando com o intuito de mostrar a importância do trabalho e da militância de cada um nessa rede que o FONASC-CBH e outras entidades articulam em todo o território nacional.

Parte integrante da equipe FONASC-CBH, Rafael Ferreira Filippin é advogado, professor e bacharel em Direito pela Universidade Federal do Paraná – UFPR. Também é mestre em Direito Ambiental pela Universidade Federal de Santa Catarina – UFSC e doutorando em Meio Ambiente pela UFPR. Na área ambiental e hídrica, foi membro do Comitê de Bacia do Rio Tibagi, conselheiro titular do Conselho Estadual dos Recursos Hídricos do Paraná e atualmente é conselheiro suplente no Conselho Nacional do Meio Ambiente – CONAMA.

Filippin esteve presente no Encontro Comemorativo dos 10 anos do FONASc-CBH, ocorrido em São Luís – MA no mês de outubro de 2011, onde falou sobre a atuação das entidades filiadas ao FONASC-CBH nos comitês de bacia e no Conselho Estadual de Recursos Hídricos do Estado do Paraná. Ele atua, sobretudo, na defesa do meio ambiente dos direitos dos atingidos pelas usinas hidrelétricas (UHEs) Mauá (rio Tibagi), Tijuco Alto (rio Ribeira), Baixo Iguaçu (rio Iguaçu), Taquaruçu (rio Paranapanema), Capivari-Cachoeira (rio Cachoeira) e Cachoeirinha (rio Chopim), além de atuar também defendendo os cidadãos contaminados por poluentes químicos de Adrianópolis e de Figueira.


=================================================================

17/01/2012

cidadania Hidrica de  Laura Moura

 

02/01/2012

Cidadania Hidrica  Prof. Reginaldo Melo

1 Comentário to “CIDADANIA ATRAVES DA ÁGUA”

Envie um comentário

blogs

Vídeo

RECENTES