FONASC.CBH – DF – GRUPO DE PESQUISA DA UNB REIVINDICA DIREITO À ÁGUA PARA “ARIS” DURANTE LIVE


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Pesquisadores da UnB, se mobilizaram neste período de pandemia e decidiram criar um grupo de estudo, com a coordenação do Professor Perci Coelho de Souza, foi desenvolvido o Projeto de Pesquisa – Ação integrada pela UnB e movimentos sociais.

Segundo um levantamento deste projeto, foram identificados que pelo menos 200 mil pessoas não têm acesso a água para beber, assim como, neste mesmo estudo, este número também é apontado para outra deficiência, o serviço de saneamento nas Áreas de Relevante Interesse Social no DF (ARIS).

Diante desta pesquisa, os envolvidos decidiram organizar uma live, que teve como tema: ENFRENTANDO O COVID 19 E SUAS RELAÇÕES SOCIOAMBIENTAIS; EMPODERAMENTO DE REDES LOCAIS PARA ACESSO A ÁGUA COMO DIREITO NAS ÁREAS RELEVANTE INTERESSE SOCIAL (ARIS) DO DF, como objetivo de garantir o acesso à Água.

Na última quinta, 25, pesquisadores da UnB juntamente com Movimentos Sociais, se organizaram para transmitir, por meio de plataforma digital, a entrega do Abaixo Assinado, que conta com a integração de mais de 100 entidades, dentro destas, o Fonasc.CBH. O documento de “Fundamentação para Água nas ARIS – Áreas de Relevante Interesse Social no DF”, também foi entregue durante a transmissão da live. E assim, a reivindicação foi entregue para as autoridades do Distrito Federal e também para representantes dos três poderes (Legislativo, Executivo e Judiciário) do DF.

 

 

 

 

A live começou com a Professora Olgamir Amancia Ferreira (Decana da Extensão da UnB), que participou da live representando a reitora da Universidade (Marcia Abrahão Moura). Na abertura, ela explicou que a Chamada de Propostas de Projetos e ações de Pesquisa, Inovação e Extensão para o combate à COVID-19, que ocorreu no mês de março deste ano, tem a intenção de reforçar à reflexão e produção de respostas para as dificuldades deste momento e também ressaltou que o projeto “Vida e Água para ARIS” está dando suporte ao GDF e às populações carentes.

Quem também esteve presente na live, foi o Engenheiro Adalto Santos, durante a sua participação, ele explicou sobre os dados técnicos que contém o documento “Fundamentação para Vida & Água nas ARIS”. Logo após, o engenheiro, fez um apanhando em relação a pandemia no Distrito Federal, ressaltando o aumento dos números de mortos e também enfatizou que a proliferação da doença é grande na periferia, onde os moradores muitas vezes não têm água para beber.

A transmissão da live também contou com a presença de Deuzanir Noleto (Representante dos Movimentos Populares da Região Administrativa Estrutural), na sequência, o diretor Alberto J. Rocha (Representante do Sindicato dos Trabalhadores da CAESB – Sindágua), o Gilberto Nascimento (Representante dos Movimentos Populares da Ceilândia – Mopocem), a Thelma Mello (Central dos Movimentos Populares – CPM). Nomes políticos também se fizeram presentes, como a Deputada Federal Erika Kokay (PT-DF), o deputado distrital Chico Vigilante (PT-DF) e Alerte Sampaio (PT-DF), também como deputada distrital. Já os deputados distritais Leandro Grass e Fabio Felix, tiveram como seus porta-voz Diogo da Mata e Gabriel Santos, respectivamente.

O Professor da UnB e também atual Presidente do Comitê de Bacia dos Afluentes do Rio Paranaíba do DF, Ricardo Minoti, deixou sua contribuição na live.

Fundamentos pela Vida e pela Água nas ARIS

Abaixo Assinado

Para ver a live completa, clique aqui.

 

blogs

Vídeo

RECENTES