FONASC-CBH APOIA A REDE DE ENSINO COMUNITÁRIA DE SÃO LUÍS NA CAMPANHA

FONASC-CBH APOIA ESCOLAS DA REDE COMUNITÁRIA

Neste período imposto pela pandemia do Conoravírus (COVID-19),  a Rede de Ensino Comunitária de São Luís, lança a Campanha SOS  Escolas Comunitárias, com o objetivo de mobilizar o Poder Público no intuito de garantir o provimento financeiro em meio ao cenário de crise que tem atingido centenas de trabalhadores, dentre estes, os profissionais das Escolas Comunitárias situadas nas comunidades da capital maranhense.

Assim como todos os segmentos, as Escolas Comunitárias tiveram as atividades educacionais e assistências paralisadas, consequentemente aquelas que visam a celebração da parceria com a SEMED / São Luís, que por sua vez, é parceira fomentada pela rede comunitária e financiada pelos Recursos do FUNDEB.

Diante de tudo, 95% das Instituições depende exclusivamente destes recursos para manter seus profissionais com o mínimo de condições de sustento e salubridade. Tendo conhecimento de que o Poder Público se mobiliza neste momento para favorecer o isolamento social saudável, foi formalizada uma solicitação para que haja liberação deste recurso, em caráter emergencial, com base no artigo. 30, VI da Lei 13.019/2014 de três parcelas do recurso do FUNDEB 2020 em favor das Escolas Comunitárias de São Luís.

Vale lembrar que mesmo não sendo reconhecidas com o devido valor estas instituições desempenham um trabalho de grande relevância para a sociedade e ainda colaboram com a elevação do índice de atendimento do poder público, pois estas estão presentes aonde os equipamentos públicos ainda não chegaram ou ainda não são suficientes para atender a demanda.

Aqui em São Luís estas escolas atendem atualmente mais de 42 mil alunos, onde mais de 70% estão em creches e pré-escolas comunitárias ou filantrópicas e apenas 11 mil crianças estão em instituições conveniadas com recursos do FUNDEB. O certo é que se estas instituições não existissem todo este quantitativo de crianças poderia estar fora da escola a mercê da marginalização.

As Escolas Comunitárias de São Luís, tem um papel fundamental e se colocam à disposição para contribuir com a efetivação da qualidade da educação e na garantia de direitos e colaborador na formação de sujeitos críticos e reflexivos, contribuindo para erradicação do analfabetismo, redução da violência e aumento da melhoria da qualidade de vida das pessoas, impactando no IDH do município.


 
		

blogs

Vídeo

RECENTES