FONASC.CNRH – REUNIÃO DISCUTE PROPOSTA DE ALTERAÇÃO NA LEI 9433/97 ORIUNDA DA CÂMARA FEDERAL

FONASC.CNRH – REUNIÃO DISCUTE PROPOSTA DE ALTERAÇÃO NA LEI 9433/97 ORIUNDA DA CÂMARA FEDERAL 

Não é de agora que o Fonasc vem trazendo aos debates, principalmente no âmbito do CNRH, propostas que vem ao encontro de mudanças nos processos deliberativos do SINGREH e  tal conduta nao sensibilizou as alianças de interesses sobre as aguas publicas que se constituiu nesses ultimos 15 anos no pais e que sempre  posicionavam-se de modo que não  alterar-se a lei 9433/97. Tal discussão era sempre evitada sob alegação de perigo de retrocesso que do Congresso poderia advir. E de certa forma tinha  sentido.

O FONASC atualmente apoia condutas que tem sido efetivadas por nossos  representantes em vários Estados do pais o no DF incentivando   iniciativas junto aos deputados e a classe politica que proponham alteração na LEGISLAÇÃO   como   formas de adequação às mudanças que vem acontecendo no País, especialmente quando o assunto é a política nacional de recursos hídricos. A cada dia a sociedade brasileira tem se articulado junto ao legislativo nos Estados e na Câmara Federal frente a condução da politica das águas  participando de agendas e debates, jã que nos entes colegiados evidencia-se condutas nefastas ao aprimoramento da democracia e efetividade da politica das águas.

Na última reunião do CNRH, que ocorreu ontem, dia 29, em pleno processo de renovação do plenário do Conselho, NA ORDEM DO DIA trouxeram a baila,  a proposta de alteração na lei, que foi apresentada por representantes da Câmara dos Deputados. A coordenação do Fonasc se posiciona no sentido de que o atual pleno deve informar/documentar para os novos membros do CNRH (que em breve serão empossados) sobre a importância da proposta de alteração na lei.

O FONASC se posicionou nessa reunião positivamente pela tramitação dessa iniciativa no Congresso Nacional contradizendo esse  ^dogma^ de que   as iniciativas daquela instancia de representação da sociedade   poderia acarretar mais riscos de retrocesso alem do que esta se efetivando via essas instancia colegiadas que são os cbhs e Conselhos. Estas  tem semostrado insuficientes a partir de concepções e posturas corporativistas e patrimonialistas que se tornaram  com o tempo hegemônicas, impedindo a eficiência dos CBHs e Conselhos e desestimulando a participação social  em detrimento do interesse publico. A representação do FONASC  manifestou publicamente isso junto aos membros da plenária do CNRH  que , sendo na sua maioria do segmento setor público , refletem  claramente e passivamente o desapreço do governo federal em fazer cumprir    a legislação atual das águas de maneira moderna e eficiente.

O FONASC se empenhara, alem do CNRH, também   junto a agenda a ser estabelecida nas comissões da Câmara Federal que estarão analisando o PL que propõe alterar a lei 9433 e tentar contribuir para  um debate democrático e serio junto a sociedade brasileira , para tentar cumprir-se a lacuna  da ausência de efetividade que a plenária do CONSELHO promove propositalmente.

Veja aqui editorial do Fonasc a respeito desta proposta.

OUTROS DOCUMENTOS

 

1 Comentário to “FONASC.CNRH – REUNIÃO DISCUTE PROPOSTA DE ALTERAÇÃO NA LEI 9433/97 ORIUNDA DA CÂMARA FEDERAL”

blogs

Vídeo

RECENTES